The Umbrella Acadamy nova série da Netflix- Julgando Pela Capa

The Umbrella Acadamy nova série da Netflix- Julgando Pela Capa
5 (100%) 5 votes

The Umbrella Academy, estrou no dia 15/02 na Netflix e estamos aqui para fazer uma análise do primeiro episódio para vocês aqui no Julgando pela capa da série.

Para você que não sabe, Umbrella Academy é uma HQ, criada por Gerard Way ( cantor, compositor, quadrinista e co-fundador da banda My Chemical Romance,) e Gabriel Sá ( Quadrinista brasileiro bastante premiado sendo ele junto de seu irmão gêmeo os primeiros brasileiros a ganharem o Prêmio Eisner de quadrinhos).
A primeira edição de Umbrella Academy foi lançada no dia 17 de junho de 2008 e agora ganha vida na rede de Streaming Netflix.

A série conta a história de 7 irmãos dotados de super poderes, que por conta da morte do seu pai, acabam se reencontrando e descobrindo grandes segredos envolta de sua família.

Análise Primeiro episódio:
A gente só se encontra em casamentos e funerais

O primeiro episódio mostra o dia primeiro de outubro de 1989, em que 43 crianças foram geradas espontaneamente por mulheres que não tinham nenhum sinal de gravidez. Das 43 crianças apenas sete foram adotadas por Sir Reginald Hargreeves um grande bilionário e aventureiro.


Formando assim a Umbrella Academy, uma família um tanto que problemática, pois por motivos não muito claro nos primeiros minutos do episódio se separam quando se tornam adultos e a culpada parece ser a número 7.


Como já sabemos, todos se reúnem novamente já adultos, quer dizer apenas os números 1,2,3,4 e 7 no funeral do seu pai. Juntos acabam criando teorias que existe uma possibilidade da morte de Sir Reginald Hargreeves, ter sido assassinado. Isso é claro, envolto de bastantes discussões e brigas ligadas ao passado, que explicam a ausência dos números 5 e 6.


Christos Kalohoridis/Netflix


O número 5, o que sabemos através do primeiro ep, sumiu de alguma forma através de um buraco de minhoca e o número 6 está morto, existindo até mesmo na academia uma estátua do menino na entrada.


Voltando para o passado através de flashbacks na série, temos a chance de ver todos eles em ação usando usando seus poderes e impedindo um assalto ao banco.
N° 1: que tem super força e aparenta ser o líder da equipe;
N° 2: grande habilidade com facas;
N°3: Altera a realidade ao mentir, que ela chama de boato;
N° 4: Conversa com os mortos e tem poderes de levitação e telecinese;
N°5: Capacidade de viajar no tempo;
N° 6: capacidade de se transformar em monstros e por fim a N° 7: que se vê frustada, por não possuir nenhuma habilidade como os seus irmão, que segundo seu pai não tem nada de especial.

O que nos leva a possível causa da separação deles. Número 7 escreveu uma auto biografia que continha os segredos da família e da academia o que pode ter provocado a separação deles.

Netflix


Já nos minutos finais nos surpreendemos com a chegada do número 5 dentro de um buraco de minhoca, vindo do futuro. Nos permitindo saber um pouco mais do personagem que particularmente, é um tanto peculiar, o mesmo tem o corpo de criança e o cérebro de um adulto, sendo ele o melhor personagem deste primeiro episódio.

No final do episódio temos a grande surpresa para iniciar a história, o mundo vai acabar em 8 dias e segundo o N° 5 eles tem que de alguma forma, tentar impedir isso.

Netflix

Mas será que a rixa e a mágoa entre eles irá permitir que isso aconteça?


O episódio foi muito bom, mostrou os pontos fortes, que a série vai ser e seu principal objetivo da história, se continuar neste nível, a série não vai decepcionar e é isso que esperamos. Porque a HQ é um sucesso e adaptação não pode decepcionar.


Não esquece de deixar o seu comentário!